Lurem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Aliquam maximus condimentum tellus, sed volutpat lorem malesuada non. Sed vehicula eros vitae eros condimentum, at sagittis dolor lobortis. Aenean nec tempus leo. Quisque viverra nulla laoreet, pellentesque dolor et, fringilla mauris. Praesent volutpat ornare quam, vitae dignissim felis ullamcorper sed. Donec ultricies libero ac mollis egestas. Vivamus at ultricies nisi, eu viverra neque. Sed porta urna quis dolor tempor, quis vehicula quam dignissim. Curabitur condimentum, dolor non aliquet rutrum, arcu eros tincidunt dui, a euismod sapien tellus tempor augue. Nam congue sem leo, eu venenatis ante dignissim at. Maecenas vel auctor odio. Interdum et malesuada fames ac ante ipsum primis in faucibus.

Acessibilidade

Será que TODAS as pessoas podem usar de maneira segura, confortável e com autonomia todos os espaços e locais em que vivem ou trabalham? Essa é a primeira pergunta que devemos nos fazer ao pensar em Acessibilidade. Baseado no conceito de Desenho Universal que busca projetar produtos, serviços e espaços que contemplem as mais diversas diferenças físicas e sensoriais das pessoas, o CVI-Rio oferece um serviço personalizado de Consultoria em Acessibilidade para ampliar as possibilidades de acesso a espaços, serviços, e informação, proporcionando maior autonomia e um ambiente mais inclusivo, o qual contemple, de fato a diversidade que existe em nossa sociedade. Porque investir em acessibilidade? Os direitos e deveres fundamentais são assegurados, em primeiro lugar, em nossa Constituição Federal e seguem o princípio da universalidade, ou seja, abrangem TODOS os cidadãos. Entretanto, a interpretação sobre quem essa universalidade realmente inclui nem sempre é tão clara. A simples garantia ao direito de “ir e vir”, teoricamente dado a qualquer cidadão, é suficiente para se questionar a abrangência do alcance dos direitos mais essenciais. Quando temos uma escada como único acesso a um banco ou edifício público, o direito de “ir e vir” de um usuário de cadeira de rodas certamente não está garantido. Os princípios da Acessibilidade buscam atender à maior gama de variações possíveis entre os usuários, nas mudanças que acontecem no nosso corpo da primeira até a terceira idade e, a dinâmica local a partir das diretrizes do Desenho Universal, abrangendo não apenas as questões físicas, mas também as operacionais, como, por exemplo, a autonomia de uso do indivíduo, de forma a assegurar que: qualquer um possa usar; seja seguro e confortável para utilizar; seja simples e integrado a outras soluções; seja fácil de entender e adequado às necessidades e limitações de cada um. Se o seu prédio ou sua empresa ainda não adotam essas premissas, muito ainda pode ser feito ou melhorado. Conheça nossos serviços e veja como podemos ajudá-lo a criar um espaço mais inclusivo e acessível, de acordo com as suas necessidades. Entre em contato, nossa equipe está a sua espera. Conceitos Acessibilidade – “possibilidade e condição de alcance, percepção e entendimento para utilização, com segurança e autonomia, de espaços, mobiliários, equipamentos urbanos, edificações, transportes, informação e comunicação, inclusive seus sistemas e tecnologias, bem como outros serviços e instalações abertos ao público, de uso público ou privado de uso coletivo, tanto na zona urbana como na rural, por pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida.” (NBR…

Ver +

Adequação Postural

Depois de percorrer um longo caminho, a nossa espécie conquistou a condição bípede, e com isso, ganhou uma condição física super interessante que facilitou o nosso desenvolvimento funcional, intelectual e cultural. Passamos por importantes fases na nossa história, cada fase com suas consequências positivas e negativas, mas que foram desenhando o presente cheio de paradoxos que vivemos hoje. Inicialmente, o poder estava na força física. Logo depois, partimos para a conquista de novos espaços marcando territórios, criando fronteiras e grandes impérios. Em seguida, nos lançamos ao mar para descobrir novas terras e explorar novos recursos, e assim, criamos colônias, lutamos para tomar novas regiões e escravizamos os povos que considerávamos mais fracos e inferiores. Muito tempo depois, entramos na fase da produção: a revolução industrial. Nesse momento, a força física foi substituída pela força da máquina e nos encantamos com a produção em alta escala e com o lucro desenfreado sem percebermos que a riqueza natural é finita. Estimulamos o consumo e desenvolvemo-nos intelectualmente, então, a informação passou a representar a grande riqueza. Tentamos dominar a natureza de tal forma que, agora, lutamos para restaurar e evitar a extinção da nossa própria vida. Hoje, estamos na era da informática em que a máquina tenta substituir a força do cérebro humano: as distâncias foram encurtadas, os eventos deixaram de ser locais para serem globais e, com isso, encontramos milhões de informações disponíveis na rede. Por outro lado, estamos presos na fragilidade da teia da vida, nos sentindo cada vez mais restritos corporalmente. Por exemplo, nossas crianças experimentam tudo virtualmente com o playstation e, apesar da capacidade corporal que a nossa espécie adquiriu através dos tempos, elas se afastaram de tal forma da natureza que desconhecem o potencial corporal que têm e passam a maior parte da vida sentados. Especializamo-nos tanto que nos distanciamos do todo. Apesar de tanto progresso, destruímos nosso planeta, poluímos nossas águas, desrespeitamos a diversidade da vida e, hoje, estamos amedrontados em relação ao nosso futuro: podemos viver 90 anos, fazer uma pessoa no laboratório, sobreviver apesar de danos corporais imensos, mas não sabemos que tipo de vida nosso planeta terá em 20 anos. Diante desses paradoxos, nosso desafio atual é reinventar o homem pós moderno para que tenha consciência de que suas ações interferem em todo o sistema frágil da vida. Primar pela qualidade da Postura Sentada também se tornou, não só um grande desafio, mas uma…

Ver +
img-01

Empregabilidade

O setor de Empregabilidade do CVI-Rio tem um programa chamado Diversidade na Empresa que é focado em consultoria e assessoria para a inserção das pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Nosso programa tem dois objetivos principais: 1. Qualificar profissionalmente as pessoas com deficiência para que conquistem cada vez mais uma posição de igualdade frente às oportunidades apresentadas no mercado de trabalho; 2. Ofertar às empresas profissionais qualificados para atender suas demandas, tanto pela igualdade de desempenho (eficiência), quanto pela riqueza proporcionada pela diversidade. Conheça os módulos do nosso programa e adquira-os integralmente ou separadamente, entendendo que cada um deles tem um papel muito importante para que sua experiência seja positiva na hora de contratar uma pessoa com deficiência: Mapeamento Funcional dos Cargos – Análise e avaliação de postos de trabalho; Consultoria em Acessibilidade – Avaliação e Elaboração de Relatório de Acessibilidade das instalações da Empresa Contratante; Palestra Convivendo com a Diferença Sensibilização dos profissionais da Empresa Contratante Objetivos Esclarecer sobre a temática da deficiência e sua imersão no ambiente da Empresa; Promover a reflexão sobre a diversidade e suas contribuições para o desenvolvimento da cultura empresarial; Orientar sobre as questões legais pertinentes ao processo de inclusão; Oferecer recursos para a integração e retenção das pessoas com deficiência na Empresa. Programa 1. Sobre as Pessoas com Deficiência Deficiência x Ambiente 2. Legislação Lei de Cotas e Decreto da Acessibilidade 3. Empregando Pessoas com Deficiência Mercado de Trabalho Qualificação x Demanda Acessibilidade Física e Atitudinal Recursos de Tecnologia Assistiva 4. Convivendo com a Diferença Dicas de convivência e relacionamento interpessoal Público Alvo: Corpo funcional da Empresa Contratante. Carga Horária: O evento tem duração média de 2hs. Número de Participantes: Entre 30 e 40 participantes. Workshop Gestão da Diversidade – Capacitação dos Gestores da Empresa Contratante; Recrutamento e Seleção – Desenvolvimento de todas as etapas do processo seletivo; Desenvolvimento de Competências – Cursos de Capacitação: Técnicos e Comportamentais; Acompanhamento do Programa – Gestor do Programa na Empresa & Emprego Apoiado. Para que haja inclusão de fato, é preciso que ambos os públicos – pessoas com e sem deficiência (empresa) – sejam trabalhados, pois entendemos que não há um lado certo, único e padronizado que o outro deve se adaptar.

Ver +
img-03

Linguagem do Corpo

O nosso corpo físico é produto materializado da nossa energia. Todo sintoma neurológico, ortopédico e reumatológico tenta nos comunicar desesperadamente sobre alguma desarmonia, apontando para o caminho da cura. O que cada sintoma pretende é nos despertar para um caminho de maior liberdade e, não nos punir, muito menos nos vitimizar. O maior objetivo da reabilitação é facilitar a retomada da condição de saúde da pessoa recentemente acidentada. Para isso, é necessário percorrer um intenso processo que se inicia com o resgate do poder pessoal e a compreensão de que cada sinal ou sintoma deseja comunicar alguma estagnação e está cheio de informações para o autoconhecimento. Quando compreendemos o que o corpo fala, e em alguns momentos grita, podemos cuidar dos procedimentos necessários que irão garantir boa parte do fluxo natural da saúde.   Doenças Muitas doenças que as pessoas têm são poemas presos abscessos tumores nódulos pedras são palavras calcificadas poemas sem vazão mesmo cravos pretos espinhas cabelo encravado prisão de ventre poderia um dia ter sido poema pessoas às vezes adoecem de gostar de palavra presa palavra boa é palavra líquida escorrendo em estado de lágrima lágrima é dor derretida dor endurecida é tumor lágrima é alegria derretida alegria endurecida é tumor lágrima é raiva derretida raiva endurecida é tumor lágrima é pessoa derretida pessoa endurecida é tumor tempo endurecido é tumor tempo derretido é poema palavra suor é melhor do que palavra cravo que é melhor do que palavra catarro que é melhor do que palavra bílis que é melhor do que palavra ferida que é melhor do que palavra nódulo que nem chega perto da palavra tumores internos palavra lágrima é melhor palavra é melhor é melhor poema. Viviane Mosé

Ver +

Suporte entre pares

Aqui você vai encontrar olhos e ouvidos atentos e prontos para acolher e compartilhar suas questões, conflitos e dúvidas a respeito de sua deficiência, podendo também, partilhar suas experiências com outras pessoas que trazem em sua bagagem histórias de vida semelhantes e sempre capazes de modificar um pouco o foco sobre os assuntos relativos à diversidade humana. Compreender para aceitar e entender melhor a riqueza que a constante mudança traz pra nossa vida! Seja bem vindo sempre!

Ver +

Tecnologia Assistiva

A Tecnologia Assistiva é qualquer produto ou serviço que ofereça condições para melhorar o desempenho das funções físicas das pessoas com deficiência, e assim, contribuir para mais igualdade de oportunidades, promovendo o processo de inclusão social. O CVI-Rio, em parceria com o Departamento de Artes & Design da PUC-Rio, desenvolveu uma Oficina, que denominamos de Oficina de Tecnologia Assistiva, que atua há mais de 20 anos desenvolvendo objetos de tecnologia assistiva. Esses objetos são projetados a partir do desejo da própria PESSOA de exercer uma determinada atividade com maior autonomia. Sendo personalizados e individualizados, eles facilitam os movimentos da pessoa, o uso de suas capacidades e a maximização de seus potenciais, além de promover a melhoria da qualidade de vida, o fortalecimento pessoal e a inclusão social e escolar das pessoas com deficiência. Logo abaixo, temos alguns exemplos de objetos desenvolvidos por nossa Oficina de Tecnologia Assistiva: ÓRTESES MANUAIS ANDADORES E ALMOFADAS PARA ADEQUAÇÃO POSTURAL

Ver +